Circular do Presidente Erdogan sobre os preparativos do ‘Décimo Segundo Plano de Desenvolvimento’

Na circular publicada no Diário Oficial da União, Erdogan afirmou que as políticas de longo prazo, incluindo todos os aspectos do desenvolvimento, especialmente econômico, social e ambiental, foram criadas e implementadas com uma compreensão holística que ativa o potencial do país e, assim, garante a realização da meta de crescimento sustentável e inclusivo.

Afirmando que o “Décimo Segundo Plano de Desenvolvimento”, que levará adiante os objetivos de longo prazo com a abordagem do desenvolvimento sustentável, alinhado com a visão 2053, que constituirá o marco estratégico para os passos a serem dados para o país se tornar uma potência global centro, cobrirá o período 2024-2028, Erdoğan disse: “As estratégias a serem formadas e implementadas durante o Plano de Desenvolvimento Garantiremos que o bem-estar seja aumentado e compartilhado de forma mais equitativa, as etapas de desenvolvimento econômico e social serão continuadas e as prioridades serão determinado a eliminar as ameaças representadas pelos desequilíbrios econômicos, sociais, geopolíticos e políticos em curso em nível global.

Na circular, Erdoğan destacou que é importante lidar com os preparativos do plano com uma abordagem participativa realizada ao mais alto nível para realizar os objetivos de desenvolvimento e disse:

“A este respeito, no âmbito da preparação do ‘Décimo Plano de Desenvolvimento’, sob a coordenação do Departamento de Estratégia e Orçamento, foram criadas comissões especiais de perícia e grupos de trabalho para reunir os representantes do sector público, sector privado e a sociedade civil, bem como os círculos académicos. Novas comissões especializadas e grupos de trabalho poderão ser estabelecidos pela Presidência. Os procedimentos de trabalho das comissões e grupos de trabalho, bem como o número e a qualidade dos participantes serão determinados pela Presidência, os representantes a tomar posse será convidado por ofício, e será prestado o apoio, contribuição e assistência necessários por parte de todas as instituições e organismos públicos aos trabalhos de preparação do Décimo Segundo Plano de Desenvolvimento a realizar sob a coordenação da Presidência e da perícia especial comissões e grupos de trabalho a serem formados neste âmbito. precisa agradar.”

Foram criadas comissões especializadas e grupos de trabalho

O apêndice da circular também incluía listas de comissões especializadas e grupos de trabalho. Assim, foram formadas 54 comissões de perícias especiais e 26 grupos de trabalho.

As comissões especializadas foram:

“Dinâmica de Crescimento e Crescimento Verde”, “Tendências de Consumo e Poupança”, “Combate à Inflação”, “Melhoria dos Serviços Financeiros”, “Sustentabilidade do Sistema de Segurança Social”, “Políticas e Prioridades de Investimento”, “Melhoria do Ambiente de Negócios e Investimento” , “Manufatura” Políticas Industriais”, “Transformação nas Indústrias de Saúde”, “Direitos de Propriedade Intelectual”, “Empreendedorismo e PMEs”, “Artesãos, Artesãos e Cooperativas”, “Uso de Tecnologia na Agricultura”, “Indigenização em Fertilizantes, Sementes e Farmacêuticos “, “Solo na Agricultura” e Gestão de Recursos Hídricos”, “Proteção dos Ativos Florestais e Combate à Erosão”, “Produtos Florestais”, “Produção Vegetal”, “Pecuária”, “Aqüicultura”, “Segurança e Confiabilidade Alimentar”, “Energia Eficiência e Segurança do Abastecimento”, “Políticas de Mineração”, “Transportes”, “Serviços de Logística”, “Fortalecimento do Ecossistema de P&D e Inovação”, “Tecnologias de Informação e Comunicação”, “Eficiência nos Serviços de Justiça”, “Serviços de Segurança”, “De Desenvolvimento de Serviços Comerciais”, “Turismo”, “Construção, Engenharia dislik-Arquitetura, Consultoria Técnica e Contratação de Serviços”, “Melhoria da Qualidade na Educação”, “Cultura e Arte”, “Proteção e Desenvolvimento da Saúde”, “Mercado de Trabalho “, “Família, População e Transformação Demográfica”, “O Papel da Mulher no Desenvolvimento”, “Criança”, “Juventude”, “Migração Externa”, “Envelhecimento Ativo”, “Distribuição de Renda”, “Anti-Pobreza e Assistência Social “, “Organizações Não Governamentais em Processo de Desenvolvimento”, “Políticas de Desenvolvimento Regional”, “Desenvolvimento Rural”, “Qualidade de Vida Urbana”, “Políticas Habitacionais”, “Governos Locais”, “Gestão de Desastres”, “Gestão de Resíduos Sólidos” “, “Gestão da Água”, “O Impacto das Mudanças Climáticas no Desenvolvimento Sustentável”.

Os nomes dos grupos de trabalho estão listados a seguir:

“Financiamento para o Desenvolvimento”, “Novas Abordagens no Comércio Exterior”, “Transformação Verde nos Mercados de Trabalho”, “Digitalização e Tributação”, “Fármacos no Sistema de Saúde”, “Indústria Metalúrgica Básica”, “Indústria Química”, “Indústria de Máquinas” , “Equipamentos Elétricos”, “Indústria Automotiva”, “Indústria Eletrônica”, “Couro Têxtil-Pronto para Vestir”, “Tecnologias de Energia”, “Produção Doméstica de Veículos Ferroviários”, “Segurança no Trânsito Rodoviário”, “Inovador Alternativas de Financiamento na Cooperação Público-Privada”, “Desenvolvimento de Serviços de Governo Eletrônico”, “Efeitos Socioeconômicos dos Desenvolvimentos Digitais”, “Melhoria dos Serviços Aduaneiros”, “Edição Editorial”, “Aumento da Qualidade na Educação Profissional”, “Luta Contra a Dependência “, “Saúde e Segurança no Trabalho”, “Desenvolvimento de Serviços para Pessoas com Deficiência”, “Novas Abordagens na Cooperação Multilateral e as Prioridades do Nosso País”, “Cooperação Técnica e Assistência ao Desenvolvimento”.

No site da Agência Anadolu, as notícias apresentadas aos assinantes através do AA News Flow System (HAS) são publicadas em resumo. Entre em contato para assinatura.

Leave a Comment