O que foi discutido na mesa de seis partidos onde o candidato presidencial da oposição foi descrito?

Não houve decisão na mesa sobre a aliança ou qual fórmula para realizar as eleições, mas a ênfase foi colocada na “forte vontade de cooperação eleitoral” e uma determinação foi expressa em “a fórmula que for mais eficiente”.

Na reunião, onde também foi discutido o compartilhamento nas redes sociais do presidente do DP Gültekin Uysal sobre o candidato presidencial, que causou desconforto na mesa de seis pontos, foi acordado que todos deveriam “usar uma linguagem cuidadosa” nesse processo.

As reuniões com a presença do líder do CHP Kemal Kılıçdaroğlu, do presidente do partido IYI Meral Akşener, do presidente do partido Felicity Temel Karamollaoğlu, do presidente do partido DEVA Ali Babacan e do futuro presidente do partido Ahmet Davutoğlu continuaram até 1h20.

Um dos temas mais importantes do pronunciamento feito após a reunião foi a descrição das qualificações do candidato à presidência, que os líderes ocasionalmente expressavam em seus discursos.

No comunicado, as qualificações do candidato foram explicadas com as declarações: “Como temos enfatizado muitas vezes como líderes da candidatura presidencial, vamos nomear um candidato conciliador, liberal, democrático, que tenha internalizado os valores democráticos, abarque todo o nosso nação e adota princípios morais políticos”.

O EFEITO DO ‘DOBE’ NA RECEITA DO CANDIDATO

De acordo com as informações obtidas, não foi discutido quem seria o candidato presidencial à mesa.

No entanto, a partilha nas redes sociais do Presidente do DP Uysal, que participou nos debates sobre quem será o candidato presidencial da Nation Alliance, ao explicar o critério de “não ser sócio de responsabilidade durante o período de 20 anos do AKP”, também entrou na pauta da mesa.

De acordo com as informações refletidas, foi acordado que tal compartilhamento ou explicações prejudicariam o processo e que os partidos políticos deveriam usar uma linguagem mais “cuidadosa”.

Nos bastidores da oposição, afirmou-se que a descrição das qualificações do candidato à presidência também visava enfatizar a unidade de discurso dos líderes em razão da crise criada por Uysal.

KILIÇDAROĞLU ANUNCIA FÓRMULA DE OITO OPÇÕES

Na reunião, também foram discutidas as opções da oposição contra a nova lei eleitoral.

Os dirigentes falaram sobre as fórmulas de cooperação que podem ser feitas de acordo com as possibilidades de “eleições antecipadas” e “eleições oportunas”.

De acordo com as informações obtidas, o líder do CHP Kemal Kılıçdaroğlu deu informações sobre a “fórmula de oito opções” para as eleições parlamentares preparada por um grupo acadêmico em linha com sua declaração anterior.

O presidente do partido Saadet, Temel Karamollaoğlu, por outro lado, falou sobre suas opiniões sobre as opções, incluindo a fórmula “aliança dentro da aliança”, que ele havia trazido anteriormente à agenda.

Houve consenso sobre o compartilhamento mútuo e a uniformização do trabalho realizado pelos partidos políticos no próximo período quanto à fórmula em que a oposição será mais vantajosa. Na reunião, onde se avaliou que o governo poderá antecipar eleições a partir de novembro, não foi tomada nenhuma decisão concreta nestas áreas, uma vez que a nova lei eleitoral não poderia ser aplicada neste caso.

Descrevendo a nova lei eleitoral do governo como “engenharia política”, os líderes expressaram determinação em “cooperação eleitoral” em qualquer circunstância.

Nesse contexto, foi afirmado que foi alcançado um acordo sobre a implementação da fórmula de cooperação eleitoral, que levará ao poder a mesa sêxtuária, incluindo a aliança.

A nova lei eleitoral, promulgada pelos votos do AKP e do MHP, foi aprovada pela oposição.

COMISSÃO DE COORDENAÇÃO CONTRA “ACIDENTES RODOVIÁRIOS”

A segurança eleitoral criada na reunião anterior, os estudos jurídicos e constitucionais para preparar a infraestrutura para a transição para o parlamentarismo, os cenários de possível aliança e cooperação eleitoral, as áreas de atuação das três comissões estabelecidas para estabelecer o mecanismo de coordenação entre os partidos também foram discutido, e foi decidido começar a trabalhar em conjunto a partir da próxima semana.

De acordo com as decisões tomadas, a comissão de segurança eleitoral dos dirigentes responsáveis ​​pelos assuntos eleitorais e informática de cada partido irá trabalhar no processo desde a pré-eleição, sequência eleitoral e encerramento das urnas até às objeções.

Uma das tarefas mais importantes desse processo será a comissão, também conhecida como “comissão de assuntos políticos”, criada para trabalhar nas fórmulas de cooperação eleitoral e garantir a coordenação entre os partidos políticos.

Esta comissão, composta por advogados ou nomes encarregados dos assuntos eleitorais dos partidos políticos, irá de certa forma limpar as “pedras” no processo de cooperação eleitoral, e desempenhará um papel facilitador ao fazer um trabalho preliminar contra possíveis “acidentes rodoviários” .

A comissão que vai trabalhar na mudança legal e constitucional relativa à transição para o parlamentarismo reforçado, por outro lado, foi expressa no comunicado após a reunião, com a Lei de Ética Política, tornando operacional o Conselho Económico e Social, o regulamentos legais relativos à independência do Banco Central e a decisão do líder da CHP Kemal Kılıçdaroğlu. Assumirá a tarefa de preparação legal para o estabelecimento da estrutura institucional responsável pela estratégia e planejamento de longo prazo, que foi primeiramente anunciada ao público.

PRÓXIMA REUNIÃO EM 29 DE MAIO

A próxima mesa redonda dos seis líderes será realizada em 29 de maio, organizada pelo futuro presidente do partido, Ahmet Davutoğlu.

A realização da primeira reunião da oposição no aniversário do “golpe pós-moderno” de 28 de fevereiro gerou críticas da ala governante.

Embora não tenha havido destaque especial na reunião, afirmou-se que o dia 29 de maio foi o motivo de preferência nos bastidores da oposição, por coincidir com o aniversário da conquista de Istambul.

CLIQUE PARA RETORNAR À PÁGINA INICIAL
Mensagem sueca e finlandesa muito claraMensagem sueca e finlandesa muito clara
As temperaturas estão caindo?  A meteorologia avisou explicando a região da região! As temperaturas estão caindo? A meteorologia avisou explicando a região da região! “Queda de neve…”
Foi alegado que ele o matou batendo nele com um tubo de piquenique!  Sua expressão apareceuFoi alegado que ele o matou batendo nele com um tubo de piquenique! Sua expressão apareceu

Leave a Comment